fbpx

As mensagens ditadas pelos espíritos

A psicografia, definida como a capacidade de escrever mensagens ditadas pelos espíritos, ficou amplamente conhecida no Brasil pelo trabalho do médium Chico Xavier, que era procurado por pessoas em busca de uma mensagem de seus entes queridos. Receber mensagens escritas de pessoas que estão em outras dimensões da realidade também era área de grande interesse do General Uchôa, por isso, seu acervo guarda muitas dessas mensagens, sejam recebidas por ele mesmo, ou de amigos e colegas em eventos ou sessões mediúnicas.

Até o momento foram catalogadas no Acervo do General Uchôa 17 psicografias, entre mensagens de amor, paz, fraternidade, de familiares, sobre os Mestres da Fraternidade Branca, poemas, algumas assinadas e outras sem identificação. Disponibilizar essas psicografias em um acervo público exige um longo trabalho, que começa no cuidado com os papeis, que já estão bem frágeis devido ao tempo e exigem sua transcrição, como explica Juliana Rissardi, historiadora responsável pelo Acervo:

“Alguns dos documentos manuscritos estão em estado bem frágil, com papel desmanchando e com rasgos, o que demanda cuidados especiais no manuseio e na guarda para que o material original não se deteriore e dure por mais anos. Alguns vieram com grampos enferrujados, necessitando de uma higienização e retirada para que o papel, que já estava oxidado, não sofresse total corrosão”, relata.

Psicografia com letra do General sobre mensagem universal da Fraternidade Branca:


“…Tal a razão pela qual sentimos-nos conduzidos à preparação e publicação deste trabalho, em que pretendemos oferecer uma perspectiva realmente animada para o espírito, mesmo quando face à misérias e atribulações ora individuais ou do âmbito de família, ora coletivas, nacionais ou humanas…”

Outro detalhe importante, segundo a historiadora, é a identificação das fontes, pois, não havendo, é difícil saber o médium ou o espírito comunicante, podendo assim haver alterações nas descobertas futuras por meio da comparação de grafias e assinaturas.  O acervo também conta com psicografias datilografadas e cópias do original datilografado que o General recebia em conferências, à exemplo de uma do espírito de Bezerra de Menezes, assinada pelo médium Newton Silva, e outra, por Castro Alves, assinada pelo médium Chico Xavier.

Psicografia com mensagem de felicidade e paz;


“- Com, amor, me uno com todas as minhas forças ao Supremo Espírito.  – Namó, glória, eu estou unido, glória, namah, felicidade, sou livre, sauj – Sauj, paz, não há separatividade em meu espírito!”

O acervo conta ainda com um diário de sessões mediúnicas, já catalogado, ocorridas entre 1942 e 1944. “O caderno é pequeno e possui 23 páginas, com títulos separando as datas das sessões, nas quais separamos e estamos transcrevendo uma a uma para a melhor visualização. Interessante que as sessões feitas na década de 1940 tinham materializações de efeitos físicos e os espíritos se comunicavam através de mesas que se moviam, fenômenos que já não vemos nas sessões hoje em dia”, complementa Juliana.

Trecho de um caderno de sessões mediúnicas: 


“Sessão em 2-7-942 – Presentes a presidente D. Alice Cesar Vergára, os médiuns Nelson, Alice Amarante e Ruth, complementando o número Américo Alves Costa e senhora. Iniciamos às 20 horas com um pouco de música. Primeiramente sentaram-se à mesa D. Alice e o médium Nelson, pessoa que se prestava à experimentação. Este nervoso em expectativa parecia pouco esperar de positivo. Passados 20 minutos, nada de muito notável foi obtido.”

Projeto Acervo do General Uchôa é um compromisso assumido pelo Círculo com a família Uchôa que confiou aos cuidados da escola documentos pessoais do General. O acervo ainda conta com entrevistas para imprensa, recortes de jornal, psicografias, áudios, desenhos etc…num trabalho vivo que está sendo desenvolvido e disponibilizado pelo Círculo.

A cada semana estamos contando um pouco de tudo que vamos descobrindo juntos no Acervo.

Leia também:

Artigos relacionados

Respostas