fbpx

Harmonia e sintonia para o intercâmbio (Reunião 54)

Participantes: Fernanda, Iasmine, Juliano e Priscila
Data:
22 de janeiro de 2019

COMUNICAÇÕES

Psicografias:

Boa noite, amigos!

Como vocês estão? Porque aqui as coisas vão super bem (risos), parafraseando o querido amigo Juliano.

******************************************************************************

Queridos filhos,

A quantas anda a ação social de impacto do ano passado? Entendam que essa não é uma cobrança, mas sim um alerta para que não deixemos o dia a dia nos engolir. Já estamos em meados de janeiro e precisamos de alguma forma dar retorno aos membros do Círculo. Cobrem as meninas das casas, os jovens precisam de nós.

Um abraço carinhoso,

Catarina

******************************************************************************

Minhas netinhas e querido neto, na próxima, me preparem… hehehe (não é assim que vocês riem nos dias de hoje?)

Andrettas: Saibam que não é apenas nas reuniões que me coloco ao lado de vocês. Eu posso não estar mais no plano físico, mas continuo cuidando dessa família.

Pri: Tenho acompanhado diretamente o processo de reencarnação de Luzia, nossa querida bebê que em breve estará “no meio de nós”. Cuide do corpo e da mente. Eles devem estar sãos para a chegada dessa criaturinha linda.

Amo vocês! Mandem meu abraço apertado à Ieda.

Fiquem com Jesus

Vó Cila


Juliano: Senti muito forte o chakra frontal. Senti a mesma coisa no quadro quando visitamos o templo… Vi alguns monges, um cortejo com os instrumentos.

Iasmine: Estou sentindo o cardíaco

Fernanda: O corpo muito quente, suando, fervendo.


Francisco: Namastê, turma!

Todos sabem que, desde o meu compromisso com a casa do Irmão Cravo, me interesso pelas filosofias orientais, e é com alegria que descortino a presença de linhas tibetanas que sempre atuaram nos trabalhos do Círculo, e agora puderam ser percebidas pelo grupo.

Iasmine: Me veio uma imagem na cabeça como se você tivesse tido uma encarnação por lá.

Francisco: Nem te conto! (Risos)


Olivia: Queridos amigos, companheiros de trabalho, não é tarefa simples entregar o conteúdo que provoque e desperte o conhecimento da verdade no coração daqueles que fazem parte desse movimento.

Sigam com zelo e mais oração, significando com isso a elevação do estado mental da conservação e busca constante de elevação, em busca de sintonia cada vez maior. Só assim poderemos realizar e superar todo o trabalho neste ano de Alvorada.

Em Cristo sua serva Olivia.


Joseph: Cuidem para que os processos de comunicação no dia a dia não semeiem entre vocês discórdia ou indisposições mentais, já que a harmonia e a sintonia são necessárias para que o nosso intercâmbio seja produtivo e responsável. Atentem -se a este detalhe.

Abraço fraterno


Fernando Vaz de Almeida: Muitos de nós ainda desejariam falar, é sempre grande a alegria no lado de cá quando este dia chega. É como se dois mundos se tocassem…

A saudade e o amor que sentimos se descortina para a realidade substancial por trás do mundo visível aos olhos carnais e, num vislumbre de fraterna comunhão, nos vemos novamente reunidos tais quais amigos em torno de uma só mesa. Sorrisos e olhares são trocados, abraços e carinhos na comunhão dos valores que nos unem. Que festa fazemos ao vos visitar, festa que dentro em breve será cada vez maior, por isso havemos também de trabalhar.

Fraternos abraços, queridos.


Dom Amaury + Castanho: Pax Dominus! Esteja com todos a Paz do Cristo, o Amor manifesto nas linhas do tempo-espaço.

É imperioso que as vibrações pelo evento de Chico comecem em fevereiro, bem como que todos os membros sintonizem em vibração pelo encontro de 20 de julho, pois quanto mais forte é a luz que brilha em meio à escuridão, mais mariposas atrairá ao seu redor.

Mantenham-se intensos e firmes por toda a noite, e o tempo há de vos dar vitória certa.

Deus vos abençoe.

Juliano: Dom Amaury + Castanho… Ele mudou a + (cruz) de lugar, porque na assinatura original ele coloca a + no começo, era “+ Dom Amaury Castanho”, e nas mensagens ele tem colocado no meio.

Dom Amaury + Castanho: Pois ele é o centro.


Iasmine: Veio a imagem de uma pirâmide em cima do bolão onde vai ser o evento do Chico, mas a pirâmide está fraca ainda, precisa de sustentação. Dentro dela existe um coração que também precisa ser sustentado. A sensação que tenho é de que, quando houver o evento, as pessoas da cidade vão notar a diferença do padrão, será possível sentir a diferença de vibração.

Priscila: Enquanto você falava eu vi vários anjos entrando no Parque da Uva, sabe.


General Uchoa (psicofonia Juliano):

É evidente que um evento nessa proporção pede medidas cabíveis à altura mental de sua realização, mas é também imperioso lembrar que essa transformação a qual damos vislumbre através da clarividência começa a acontecer a partir das reuniões de sintonia com os grupos dispostos a estabelecer a egrégora necessária para o bom andamento das atividades de setembro. Por isso, lembramos que é importante que se conduzam os companheiros e os parceiros desse evento ao estado de sintonia, conexão e comunicação com os planos espirituais que hão de operar em nome e ao lado de Chico Xavier neste trabalho que nos propusemos a fazer.

Este trabalho é tão somente o primeiro passo de uma longa jornada de estabelecimento das bases fundamentais do trabalho do Círculo que será materializado na região de Jundiaí. Portanto, é muito importante que todos nós aqui dos Círculos onde operamos – e também do Círculo onde vocês estão, todos no movimento Círculo – estejamos numa só sintonia para a realização de todos os eventos e superação de todos os desafios que irão se impor a cada um de nós ao longo deste ano.

Que a intensidade das atividades não tire de cada um de vocês o sorriso fraterno, o abraço amigo, o ouvido sincero, o coração que acolhe. Quanto mais marchamos em direção ao Uno mais nos parecemos com ele, e o Uno é todo Amor, o Amor é todo Fraternidade, a Fraternidade é Empatia, é identificação e Ação.

Avante meus amigos, meu filho e minhas filhas!

Artigos relacionados

Respostas

  1. “Que a intensidade das atividades não tire de cada um de vocês o sorriso fraterno, o abraço amigo, o ouvido sincero, o coração que acolhe”. Lindas palavras do general.